Parklet

Parklets urbanos e seu papel na vitalidade das cidades

Parklets urbanos: locais antes ocupados pelos carros viram espaços públicos para pessoas

Os chamados Parklets urbanos surgiram em São Francisco, nos Estados Unidos. Tratavam-se de vagas de estacionamento que passam a exercem a função de espaços públicos. Nesse sentido, por meio de uma solução criativa, o sistema “Vagas vivas”, a prefeitura buscou atrair as pessoas para as áreas públicas e, that way, diminuir o volume de carros nas ruas.

A iniciativa surgiu em 2005 e permite que comerciantes, por meio de um edital e pagamento de indenização, utilizem o espaço para que as pessoas usufruam. No caso de São Francisco faltam vagas para todos os interessados. Ainda, os parklets permitem a instalação de praças em espaços onde antes não era possível. Logo, por meio de alternativas rápidas e de baixo custo a cidade ganha novos espaços de convívio.

Conheça a iniciativa de Santiago para aproximar as pessoas dos espaços públicos!

No Brasil, cidades como São Paulo e Florianópolis também aderiram à iniciativa. Na capital catarinense o Instituto de Planejamento Urbano (IPUF) criou o Manual para a implantação de Parklets. Para o órgão:

O Parklet é uma pequena praça localizada em uma vaga de estacionamento de automóveis na via pública, que cria uma oportunidade humanização e de dinamização do Espaço Público.

moreover, os parklets urbanos utilizam do urbanismo tático para sua concepção. Visto que promovem a prática colaborativa na concepção do espaço. Besides, permitem que as pessoas exponham suas ideias no projeto e na prática. Thus, os parklets são um ótimo exemplo de como o urbanismo tático foi formalizado no que tange o planejamento das cidades no mundo (LITTKE, 2016).

In this context, a melhoria da paisagem urbana e o novo uso das vagas de carros faz com que os parklets sejam cada vez mais difundidos. Logo, existe a requalificação dos espaços urbanos e as pessoas sentem-se parte do espaço!

Quer saber mais sobre espaços urbanos? Acesse nosso post on,,es,Social engineering,,pt,and Twitter,,it,you will learn,,pt,strategies,,pt,settings,,pt,really innovative about,,pt,Look,,pt,Soci Engineering,,pt,Social engineering x,,pt,monitoring,,pt,targeting,,pt,when and where to sell,,pt,Cases,,en,errors x hits,,pt,Advanced Settings,,pt,Facebook Ads,,en,step by step,,pt,practices,,pt,Create a strategic action,,pt,Local national ≠,,es,try it,,pt,sale in real time,,pt,The theory behind Google,,pt,You in the 1st page of Google,,pt,correct settings,,pt,Read reviews of the training,,pt,Caxias do Sul,,pt,New Hamburg,,pt,Deep step,,pt,It is driven by,,pt,Fumy Santana,,en,social and professional strategist at Vizz,,pt,certified,,es,As marcas Bomber,,en,Cláudio Vogel and Festimalha started successful careers in,,pt,through projects signed by the professional,,pt!

REFERÊNCIAS

Littke, H. Revisiting the San Francisco parklets problematizing publicness, parks, and transferability. Urban Forestry & Urban Greening. Vol. 15, p. 165-173, 2016.

The following two tabs change content below.

Maria Eduarda Zanella

Estudante da graduação de Arquitetura e Urbanismo na Universidade Federal de Santa Catarina. Movida por desafios, busca aprender mais sobre inovação, cidades criativas e humanas e levar o conhecimento a comunidade, fazendo de alguma forma um mundo melhor.