Kyle Glenn NXt5HtLmlgE Unsplash

ONU define ações norteadoras para um planeta mais justo e sustentável

Um caminho sustentável para o planeta

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável estabelecem um caminho sustentável para o planeta. Para isso, é urgentemente necessário tomar medidas ousadas e transformadoras. Simultaneamente, em 2015 foi apresentada uma oportunidade histórica reunindo 193 países e a população global, no qual foi decidido sobre caminhos novos a seguir. Yet, caminhos que trariam melhorias na vida das pessoas em todos os lugares. Como resultado, as decisões nortearam ações para acabar com a pobreza, promover a prosperidade, bem-estar para todos, proteger o meio ambiente e enfrentar as mudanças climáticas.

A Organização das Nações Unidas (UN) desenvolveu junto aos governos, sociedade civil e outros parceiros uma agenda única intitulada “Transformando Nosso Mundo: a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável”.

A Agenda 2030 consiste em uma declaração em um quadro de resultados – os 17 ODS e suas 169 metas.

Fonte: nacoesunidas.org

O que é desenvolvimento sustentável?

O desenvolvimento sustentável é definido como o desenvolvimento que procura satisfazer as necessidades da geração atual. Porém, sem comprometer a capacidade das futuras gerações de satisfazerem as suas próprias necessidades. Sendo assim, demanda-se um esforço conjunto para a construção de um futuro inclusivo e resiliente. Para isso, é crucial harmonizar três elementos centrais: crescimento econômico, inclusão social e proteção ao meio ambiente.

Metas

Na escala global, os ODS e as metas são acompanhados e revisados a partir de um conjunto de indicadores. Thus, desenvolvidos pelo Grupo Interagencial de Peritos sobre os Indicadores dos ODS (Inter-Agency Expert Group on SDG Indicators – IAEG-SDG). Yet, esses indicadores foram analisados e validados pela Comissão de Estatística das Nações Unidas. Através disso, as metas e os indicadores globais são fundamentais para assegurar a coordenação, a comparabilidade e o monitoramento dos progressos. Ainda mais, o acompanhamento permite a essa instituição identificar os países e as áreas temáticas que necessitam de maior assistência. Thus, organismos internacionais cooperam no desenvolvimento. Thereby, em 2016 o mandato do IAEG – SDG foi renovado a fim de buscar um aprimoramento dos indicadores globais, suas metodologias, definições e padrões.

Dados brasileiros

O ODS número 1 diz: “Acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares”. Ao mesmo tempo, em 2015, 3,8% da população brasileira, ou aproximadamente 7,7 milhões de pessoas, encontravam-se em condições de pobreza multidimensional. Yet, de acordo com o resultado do relatório, o IPM do Brasil é de 0,016, o mesmo da China. Besides, à frente do Brasil, na América Latina, estão Trinidad e Tobago (0,002), Santa Lucia (0,007), Guiana (0,014) e República Dominicana (0,015). Os dados do país têm como fonte a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD) Anual de 2015.

O Ipea apresenta a proposta de adequação das metas globais da Agenda2030. Em vista, o Desenvolvimento Sustentável à realidade brasileira, em cumprimento à atribuição recebida da Comissão Nacional dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (CNODS).

Foto: Luiz Gonçalves Martins

“Vale destacar que, com essa iniciativa, o Brasil passa a ser um dos poucos países do mundo a dispor de um instrumento que orienta a territorialização dos ODS. Thus, mantendo a abrangência e a ambição da proposta original. Por fim, espera-se que os resultados suscitem novas reflexões sobre o tema e subsidiem a formulação e o fortalecimento das políticas nacionais de desenvolvimento sustentável.” ressalta Ernesto Lozardo, Presidente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

Em síntese, os ODS devem ser implementados por todos os países do mundo durante os próximos anos, até 2030.

The following two tabs change content below.

Roberto Nallin

Graduando em Engenharia de Materiais pela Universidade Federal de Santa Catarina. Acredita que a conexão entre pessoas é hoje o maior promotor da inovação. Apoia causas sociais, ações ambientais, diversidade, sustentabilidade e sonha que um dia a inovação social poderá ser o principal vetor para o desenvolvimento social.