Living Lab

Living Lab Florianópolis promove cultura de inovação e testes de soluções urbanas!

A implantação e operação do programa Living Lab foi realizada com base na Metodologia VIA para Living Labs

O Living Lab Florianópolis foi lançado no último trimestre de 2018 e procura empresas com soluções inovadores voltados às cidades. O programa é uma iniciativa da Innovation Network of Florianópolis e está sendo executado pela Associação Catarinense de Tecnologia (ACATE), com apoio da Prefeitura Municipal de Florianópolis (PMF) e da Associação Comercial e Industrial de Florianópolis (ACIF).

Para o superintendente de Ciência Tecnologia e Inovação da prefeitura municipal de Florianópolis, Marcus Rocha, os Living Labs são formas do governo aderir à inovação aberta, transformando a cidade em um laboratório. Este “laboratório vivo” é fundamental para trazer soluções para os principais problemas que a cidade possui, promovendo inovação na gestão municipal.

Dessa maneira, a iniciativa visa promover a cultura de inovação entre os cidadãos e aproximá-los de novas tecnologias. moreover, o programa estimula o empreendedorismo e o desenvolvimento tecnológico para solucionar problemas urbanos, gerando benefícios mútuos para a sociedade.

A cidade de Florianópolis possui um importante e diversificado polo de tecnologia e inovação. O mesmo é composto por universidades, centros de pesquisa, aceleradoras, instituições, empresas e uma administração municipal que apoia novas iniciativas. Em virtude disso, Thaís Nahas, consultora em cidades inteligentes, defende Florianópolis como um ambiente ideal para abrigar o living lab.

Acompanhe a reportagem na VIA magazine que tratou de inovação em governo e tem o Living Lab como um dos cases inovadores para territórios!

A Metodologia VIA Living Lab

O grupo VIA participou desde o início planejamento do programa, desenvolvendo um modelo de implantação, operação e acompanhamento personalizado. Com benchmarking nacional e internacional, além do apoio de Josep Miquel Piqué, a Metodologia VIA Living Lab leva em consideração o ecossistema de inovação local e o ambiente urbano de Florianópolis.

A participação foi aberta à empresas, universidades, instituições de Ciência e Tecnologia, órgãos da administração pública; nacionais ou internacionais. Dessa maneira, valida-se as soluções diretamente com o público alvo antes do lançamento no mercado. Entretanto, um dos requisitos é quanto ao estado de maturidade da solução e o tempo pelo qual será disponibilizada. Por exemplo, a solução deve estar em fase de produto desenvolvido ou protótipo funcional e ser testada durante seis meses.

As empresas interessadas em testar soluções em um ambiente real podem se inscrever no processo de seleção, seguindo o edital. Consequentemente, é necessário que possuam produtos ou serviços inovadores, capazes de atender demandas da cidade ou explorar oportunidades existentes.

Confira o nosso próximo post para conhecer as empresas e suas soluções que estão sendo testadas no Living Lab Florianópolis!

Para informações sobre o programa, acesse a página oficial da Innovation Network Florianópolis!

Follow,pt facebook do Living Lab 🙂

Quer se aprofundar? Veja nosso artigo sobre os Living Labs como intermediários da inovação!

Quer implantar a iniciativa na sua cidade? Entre em contato com a VIA pelo email!

 

The following two tabs change content below.

Eduardo Mazzuco

Graduando em Engenharia de Materiais na Universidade Federal de Santa Catarina. Possui como principal tema de pesquisa a inovação aberta. Trabalha no mapeamento de processos e desenvolvimento de modelos a fim de operacionalizar a inovação. E-mail: eduardo.mazzuco@gmail.com