Índice Global De Inovação

Índice Global de Inovação de 2017 tem versão em português

O Índice Global de Inovação considera a inovação como forma de nutrir o mundo

O Índice Global de Inovação from the 2017: A Inovação Nutrindo o Mundo é resultado da colaboração entre a Universidade Cornell, a INSEAD e a Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI) como coeditores, junto com seus Parceiros de Conhecimentos.

Tendo a Suíça como top one do ranking as conclusões principais do documento concluem que:

  • É fundamental lançar as bases para impulsionar o crescimento por meio da inovação em um momento em que a economia global atinge um ponto crítico
  • A produção de inovações agrícolas inteligentes e digitais e uma maior adoção de inovações nos países em desenvolvimento podem ajudar a superar sérios desafios alimentares
  • A convergência entre as inovações deve ser ampliada em âmbito mundial, e os países em desenvolvimento precisam aperfeiçoar seus sistemas de inovação
  • Surgiram oportunidades para aproveitar a ascensão dos novos Tigres da Inovação do Leste Asiático, promovendo redes de inovação regionais mais consolidadas e explorando os benefícios da ascensão da Índia
  • Preservar a dinâmica de inovação na África Subsaariana e explorar o potencial de inovação na América Latina constituem prioridades
  • Entre os maiores clusters subnacionais de atividades inovadoras, medidos pelos depósitos de patentes, estão Tóquio-Yokohama, Shenzhen-Hong Kong (China) e San José-San Francisco, CA

A Suíça mantém liderança desde 2011, bem como a primeira posição no Subíndice de Produtos de Inovação e no pilar de Produtos de conhecimento e tecnologia desde 2012. Sua liderança parece ser inquestionável. Pela primeira vez, a Suíça aparece entre as 10 melhores economias em todos os pilares e é a 3ª economia do mundo em termos de qualidade da inovação.

Além da Suíça, estão no topo do Índice Global de Inovação países como Suécia, Países Baixos, Estados Unidos da América, Reino Unido, Dinamarca, Cingapura, Finlândia, Alemanha e Irlanda! O Brasil ocupa a 69ª posição estando atrás de países como por exemplo a Colômbia!

O ranking apresenta a variação das posição dos dez países melhores posicionados.

Quer saber mais sobre o ranking? Visit!

The following two tabs change content below.
Equipe de pesquisadores com foco na transformação do conhecimento de forma tangível e utilitária para a sociedade, governo e empreendedores, through education, research and extension. Atuamos de forma colaborativa e em rede, conectando pessoas e organizações ao nosso propósito.