CIDADE FEJESC

Cidade FEJESC

O Cidade Fejesc, evento oferecido pela Federação das Empresas Juniores do Estado de Santa Catarina (FEJESC), foi uma grande oportunidade para que empresários juniores, tanto os iniciantes quanto os mais experientes pudessem conhecer melhor as possibilidades que o movimento de Empresas Juniores (EJ’s) pode lhes oferecer. A abertura reuniu todos os participantes do evento, que tiveram a oportunidade de saber um pouco mais sobre a FEJESC, apresentada pelo presidente da instituição, Guilherme Afonso Ceballos. Ceballos apresentou alguns dados sobre a rede, principalmente as conquistas que foram alcançadas até 2017, com um forte incentivo e apelo para que elas se multipliquem ao longo do ano, mantendo o foco no potencial do empreendedor catarinense.

Para que o único dia de evento pudesse ter um bom aproveitamento, o evento foi dividido em 3 “trilhas” voltadas a três públicos diferentes. Os participantes foram divididos entre EJ’s federadas (que já fazem parte da rede FEJESC/Brasil Junior), EJ’s não federadas e um terceiro grupo com os traisnees das EJ’s federadas e não federadas. Para as EJ’s federadas que já possuem experiência nas oportunidades que as EJ’s têm em mãos, foi oferecido um workshop com o consultor José Ricardo Miglioli, ofereceu diversas dicas para realizar uma consultoria com sucesso e utilidade para seus clientes e também apresentou e exemplificou a metodologia usada pela Falconi, uma das maiorias empresas de consultoria do país. O workshop levou aproximadamente 4 horas e contou com diversas atividades para os estudantes empreendedores.

Para as EJs que ainda não conseguiram se federalizar, a organização da FEJESC realizou uma palestra com o intuito mostrar o caminho para novos empreendedores demonstrando a rede colaborativa que a instituição proporciona. Para isso chamaram membros de algumas EJ federadas para conversar e ainda ajudar aqueles que estão buscando fazer parte da rede. A última trilha foi realizada com os trainees, novos integrantes de EJs, contando com a palestra instigante do presidente da Brasil Júnior, Andrei Golfeto. Em sua fala, Andrei exemplificou as vantagens de fazer parte de uma EJ e automaticamente de uma grande e produtiva rede de empresários e empreendedores. Também evidenciou algumas experiências que o movimento das EJ’s, e a Brasil Júnior lhe proporcionaram, com eventos grandiosos e únicos como o JEWC e o MEJ.

The following two tabs change content below.
Equipe de pesquisadores com foco na transformação do conhecimento de forma tangível e utilitária para a sociedade, governo e empreendedores, through education, research and extension. Atuamos de forma colaborativa e em rede, conectando pessoas e organizações ao nosso propósito.