Incubadoras Capa

Incubadoras: lo que son y para qué sirven?

Conheça melhor o papel das incubadoras – um dos principais e mais antigos habitas de inovação.

Pré-incubadoras, incubadoras, aceleradoras, makerspace, labs, núcleos de inovação e tecnologia, coworking, parques científicos e tecnológicos, centros de inovação, centros de pesquisa e desenvolvimento. São tantos os conceitos que as vezes os empreendedores de primeira viagem podem ficar um pouco confusos. E não é por acaso, afinal de contas, que todos estes são habitas de inovação, locais planejados para compartilhamento de informações e conhecimentos favoráveis ao empreendedorismo e à inovação.

O conceito das incubadoras

Um dos principais e mais antigos habitats de incentivo ao empreendedorismo são as incubadoras de empresas. Surgiram no mundo no final da década de 50. Trata-se de uma organização que tem como objetivo principal auxiliar empreendimentos em fases iniciais. Oferecem suporte gerencial e técnico para que se desenvolvam e prosperem no mercado. Entre os serviços oferecidos estão: espaço físico; acesso à internet; telefonia; conexão com instituições financeiras, instituições de pesquisa e órgãos governamentais; e apoio administrativos e assistenciais em diferentes áreas, como marketing, finanças, contabilidade, recursos humanos e jurídica.

“Resumidamente, incubadora é um lugar onde as pessoas recebem suporte para transformar ideias em negócios exitosos”, sintetiza o doutor em Ciência da Computação e consultor organizacional, Marcos Suassuna.

“Neste lugar, os empreendedores têm acesso a estruturas e processos, entram em contato com diferentes tecnologias, conhecem pessoas especializadas e trocam experiências com outros empreendedores. A incubadora é um ambiente muito fértil para a inovação”, completa.

O processo de incubação busca validar as ideias e criar valor para as empresas geradas. “As vezes o empreendedor entra na incubadora com uma ideia, mas com o tempo percebe que ela não vai funcionar no mercado. Com o conhecimento adquirido na incubadora ele pode até mesmo gerar outra ideia e desenvolver um negócio bem diferente do inicial”, explica o consultor.

Saiba como funciona uma incubadora:

incubadoras

Para saber mais sobre incubadoras, clique aqui e baixe a VIA Revista no. 4.

REFERÊNCIA

AZEVEDO, I. S. C; TEIXEIRA, C. S. (orgs). Incubadoras: alinhamento conceitual [recurso eletrônico]. Florianópolis: Perse, 2016. 29p. Disponível em: <http://via.ufsc.br/wp-content/uploads/2017/07/e-book-incubadoras.pdf>.

The following two tabs change content below.

Tatiana Wittmann

Mestranda em Engenharia e Gestão do Conhecimento na Universidade Federal de Santa Catarina, acredita na força da colaboração e cooperação, no compartilhamento de conhecimento e no trabalho com propósito. Com mais de dezessete anos de experiência com temas relacionados à responsabilidade social e sustentabilidade, atualmente dedica-se à pesquisa sobre habitats de inovação e cidades inteligentes.