IMG 2875

A Avenida Paulista aberta aos domingos para uso cidadão

A Paulista Aberta é uma iniciativa fruto da organização civil

A Avenida Paulista é símbolo do poder econômico e executivo de São Paulo e do país. Tendo em vista uma população que vive na cidade superando os 12 milhões, a reflexão sobre ambientes de lazer ao ar livre de qualidade é necessária em meio à conurbação urbana que se faz presente na região.

Dessa reflexão, dois coletivos iniciaram diálogos com os moradores da região e de outras comunidades para propor uma maneira diferente de pensar e fazer a cidade. Essa campanha começou em pequenas ações até alcançar os gestores públicos. Assim, depois de muitos debates e diálogos com a sociedade civil, em meados de 2015 a ciclofaixa da avenida foi inaugurada. Como comemoração e ensaio, a avenida ficou totalmente fechada para veículos motorizados pela primeira vez.

É possível observar a ciclofaixa bem como pessoas ocupando a Avenida Paulista.

Avenida Paulista aberta

Posteriormente, além do MinhaSampa e SampaPé, a pressão popular por mais espaços públicos tomou força em outras diversas organizações civis. Dessa forma, em 15 de outubro do mesmo ano a avenida passou a ficar fechada semanalmente aos domingos, através de um decreto da prefeitura municipal. Domingo, na Paulista Aberta, o clima é de convivência, entretenimento, e esporte. Nos muros e esquinas, obras de arte são expostas e comercializadas em meio a apresentações musicais e teatrais. Bicicletas, patins e skates aproveitam a ciclofaixa, que foi estendida para suprir o movimento. A sociedade sai nas ruas para aproveitar o espaço conquistado, que é tão escasso no dia a dia na metrópole.

As calçadas da Paulista são tomadas por apresentações musicais e teatrais.

Artistas na Paulista Aberta

O grande legado dessa iniciativa é observar a participação cidadã ativa no planejamento das cidades. Hoje, a cidade é mais humana, aberta e compartilhada. Isso é fruto da proatividade de pessoas que acreditam que política não é feita apenas pelo poder público. Então que tal seguir esse exemplo e pensar em ações para a sua cidade?

The following two tabs change content below.

Beatriz Maria Vicente Testoni

Graduanda em Engenharia de Materiais, estuda economia criativa e seus impactos na sociedade, com foco em cidades e distritos.