Incubadora

Semana é marcada por conhecimento sobre incubadoras!

Alunos da UFSC, só nessa semana, apresentaram seus trabalhos em cursos de graduação e pós-graduação com foco em incubadoras.

O trabalho de qualificação de Andreia De Bem Machado, sob orientação da Dra. Araci Hack Catapan, do Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento tratou sobre a Gestão do Conhecimento em incubadoras. A tese irá verificar as relações do modelo CERNE da ANPROTEC. Aguardamos os resultados finais para divulgar!

O trabalho de conclusão de curso de Sofia Castilho , sob orientação da Dra. Clarissa Stefani Teixeira, do curso de Ciências Contábeis apresentou os resultados sobre o perfil das incubadoras de Santa Catarina. Ao todo no Estado foram mapeadas 24 incubadoras em operação. Em breve a VIA e a RECEPETI, parceira do projeto, irão divulgar o mapeamento!

 

Em âmbito nacional a Startup Farm, realizou pesquisa que indica resultados que 74% das empresas nascentes fecham as portas nos quatro primeiro anos. Os motivos são diversos e as melhores alternativas para não entrar na estatística é buscar por incubadoras.

Entretanto, a publicação da ANPROTEC indica que a incubadora MIDI Tecnológico, de Santa Catarina, consegue manter índice de sobrevivência maior do que 80% entre os negócios incubados e graduados por ela. A organização mantida pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e gerida pela Associação Catarinenses de Empresas de Tecnologia (ACATE), já ajudou na formação de 107 startups em seus 18 anos de atuação na Grande Florianópolis. Dessas empresas, 85% ainda estão ativas, fazendo um contraponto ao dado da Startup Farm que indica que 74% das soluções brasileiras não sobrevivem aos primeiros quatro anos.

O sucesso das empresas incubadas é resultado do trabalho de fortalecimento e amadurecimento das soluções que é realizado dentro das incubadoras. Gabriel Santos, coordenador do MIDI, credita o elevado índice de sobrevivência das empresas ao alto potencial das equipes envolvidas. “Além de mentorias e capacitações que alavancam as startups, procuramos qualificar os empreendedores para que saibam qual estratégia adotar em situações de crise”, destaca.

Dentro da incubadora, as soluções são validadas por especialistas e modificadas até evoluírem para um modelo sustentável. Os empreendedores incubados também têm contato com uma grande rede de investidores e empresários.

Confira a notícia na íntegra! http://anprotec.org.br/site/2016/12/startups-incubadas-no-midi-ultrapassam-expectativa/

The following two tabs change content below.
Equipe de pesquisadores com foco na transformação do conhecimento de forma tangível e utilitária para a sociedade, governo e empreendedores, por medio de acciones de educación, investigación y educación. Atuamos de forma colaborativa e em rede, conectando pessoas e organizações ao nosso propósito.