Inovação

O papel dos Núcleos de Inovação Tecnológica (NITs) nas universidades brasileiras

Como os NIT’s podem promover inovação

Os Núcleos de Inovação Tecnológica (NITs) possuem papel importante na inovação. Eles foram idealizados com o propósito de aproximar a academia e empresas.

Atuam como agentes entre pesquisadores e aqueles que podem comercializar a tecnologia. Portanto, são instituições responsáveis pela política de inovação e empreendedorismo, além de garantir a transferência de tecnologia.

Como a homologação de leis mudou o cenário dos NITs no Brasil

Duas leis foram primordiais para o desenvolvimento e a criação dos NITs no Brasil. A primeira Lei 9.279/1996 que regulamentava os direitos de propriedade industrial e intelectual no país. A segunda, a Lei 1.073/2004, que dispõe sobre incentivos à inovação,pesquisa cinética e tecnológica no ambiente produtivo.

Essa última, propôs a obrigatoriedade da instalação dos NITs em todas as Instituições de Pesquisa Científica e Tecnológica (ICT). No gráfico a seguir é possível visualizar melhor o incremento dos depósitos de patentes ao longo dos anos. O aumento no número de patentes é significativo após 1996. Mas em 2004 observam-se os principais crescimentos.

crescimento do deposito de patentes nos NITs

Os NITS estão só depositando patentes por obrigação legal?

A partir da aprovação da lei de 2004 houve uma mudança significativa no quadro de depósitos de patentes no Brasil foi observada. Contudo será que esse número resulta somente numa obrigação legal ou essas agencias estratégicas tomaram um papel essencial na inovação?

Thus, um estudo de caso foi realizado entre as maiores depositantes de patentes considerando a criação da lei de inovação e o ano de 2011. Foram analisados os NITs da Unicamp, USP, UFRJ e UFRGS. Dessas solicitações, a USP licenciou 13, UNICAMP 28, UFRGS 14 e UFRJ 06, dentro de um universo de total de 170 patentes solicitadas no INPI por essas instituições.

Como resultado, o estudo identifica que a criação destes núcleos representa muito mais do que mera exigência legal. Thus, pode-se dizer que os NITs vêm desempenhando papel ativo primordialmente à gestão da produção de inovações nas universidades.

Yet, apesar de seus coordenadores vislumbrarem a função estratégica destes núcleos, principalmente no que diz respeito à abertura da universidade a relações com a sociedade, o trabalho desempenhado por estes NITs encontra-se ainda em fase de estruturação.

Em conclusão, o estudo apresenta a a importância de leis que incentivem a criação de instituições que promovam a ligação entre academia e empresas, e também fomente a iniciativa a inovação. O papel dos Núcleos de Inovação Tecnológicas é importante principalmente no que diz respeito a gestão do conhecimento produzido dentro da universidade.

Saiba mais sobre os Nucleos de Inovação Tecnológicas(NITs) em outro post do nosso blog.

Referências Bibliográficas

Biancca Scarpeline de Castro, G. C. (2012). O papel dos Núcleos de Inovação Tecnológica (NITs) nas universidades brasileiras . Liinc em Revista, 16.

Colla, S., & Esteves, L. A. (2013). Lei da Inovação e Patentes Universitárias no Brasil: Uma Análise Quantitativa (2005-2010). Revista Tecnologia e Sociedade, 15.

The following two tabs change content below.

Paulo Roberto Pires Junior

Latest posts by Paulo Roberto Pires Junior (see all)